segunda-feira

Ho'oponopono na novela Amor, Eterno Amor


Achei muito legal terem citado o ho'oponopono na novela Amor, Eterno Amor (Rede Globo). Nele, os personagens Juliana, Miriam e Pedro conversam sobre a técnica e é explicado, por alto, do que se trata. Pena que não tenha havido tempo para explanarem um pouco mais sobre o assunto, mas acho que deu para despertar alguma curiosidade no grande público.

Já postei um artigo explicando sobre o Ho'oponopono (veja aqui) e algumas pessoas me pedem o manual gratuito. Porém, tenho percebido que mesmo com a simplicidade da técnica e até do manual oficial, ainda restam algumas dúvidas nas pessoas mais observadoras ou que, como eu, gostam de entender a fundo o que estão fazendo. Nestes casos, tento explicar da melhor maneira possível, de acordo com as minhas próprias conclusões, como no caso do e-mail que recebi semana passada e que vou reproduzir abaixo. Achei muito interessante suas considerações e acredito que suas dúvidas devem ser também de várias outras pessoas. Não vou identificar a pessoa, mas tenho certeza que não se incomodará de dividir suas dúvidas com outros amigos.


"Querida Chris, tenho o interesse em conhecer mais sobre o Ho’oponopono, na verdade eu já li bastante, até tenho o e-book e  já tentei praticar, porém por mais que se diga que a técnica é simples e que somos nós que o complicamos, é uma das poucas técnicas que ninguém sabe explicar de forma clara e direta. Se algo é simples, então deveria ser de fácil explicação, concorda?

Me perdoe o fato de estar julgando, mas sinto no meu coração que existe muito interesse financeiro por trás, pessoas que disseram conhecer o método, mas que hoje promovem cursos, sem o conhecimento da associação responsável, criam ferramentas por si mesmos, desmerecem ferramentas oficiais entre outras coisas estranhas.  Mas como você parece ter um interesse legítimo de ajudar sem obter nada material em troca, quem sabe não poderia tentar ajudar a esclarecer algumas dúvidas que tenho, são elas:

1- A quem são dirigidas as frases? Vamos pegar o exemplo do Dr. Len, quando lia as fichas dos presos, ele dizia as frases para Deus (divindade), para o preso (a pessoa ou a coisa em questão), ou para seus próprios sentimentos ruins que possivelmente surgiam à medida que ia lendo?

2- Existem muitas pessoas aqui no Brasil que resolveram abolir as expressões Sinto muito e Perdoe-me, mantendo somente as outras duas, o que no meu entender e provavelmente na do Dr. Len, descaracteriza em tudo o objetivo da técnica, que seria uma técnica de perdão, como ele mesmo já afirmou em certa entrevista: 'a verdadeira função do intelecto é assumir 100% de responsabilidade por tudo e pedir perdão.' O que você tem a dizer sobre isso?

3- Chris, você sente alguma coisa negativa em relação  a expressão obrigado? Um suposto entendido em ho'oponopono afirmou que só vale a expressão sou grato ou te agradeço, falou que ninguém deve se sentir obrigado a nada e bla, bla bla... . Acontece que todas as vezes que me sinto agradecido por algo de coração, sempre digo OBRIGADO OU MUITO OBRIGADO. 'Sou grato' não me soa natural. Mesmo parecendo já ter uma opinião formada a cerca disso, terei humildade suficiente pra pensar melhor no assunto caso outra pessoa desinteressada tenha e mesma impressão negativa sobre o 'obrigado'. Considerando sua opinião tão importante, o que acha do assunto?"

Bom, minhas respostas às perguntas foram as abaixo:


"Olá! que prazer em conversar com alguém que realmente quer pensar antes adotar isso ou aquilo como 'definitivo'. Concordo com você totalmente nesse quesito: fé deve ser, antes de tudo, raciocinada. Fé cega não leva ninguém a lugar nenhum, só pro buraco! 

Bom, o que eu vou te passar são as MINHAS impressões sobre o ho’oponopono. Também tentei estudar bastante sobre ele, frequentei um workshop sobre o assunto, que a meu ver me instruiu mais sobre a huna do que sobre o ho’oponopono, e o que consegui reunir foi o seguinte:

Pergunta 1 - Eu acredito (e pratico assim) que já que eu mesma criei (ou permiti que se criasse) essa situação dentro do meu mundo, do meu universo, estou dirigindo a frase EU SINTO MUITO, POR FAVOR ME PERDOE a mim mesma, a minha própria Presença Divina, por ter permitido que a perfeição do meu universo se maculasse, por ter sido descuidada (orai e vigiai) e deixado que essas memórias existissem. Quando digo OBRIGADA, digo a Deus ou a minha Presença Divina, por me permitir ter esse conhecimento que me ajuda a apagar essas memórias; também estou agradecendo às memórias, que vieram à tona para serem apagadas, do contrário continuariam a me fazer mal.  Por fim, quando digo EU TE AMO, eu estou apenas movimentando a maior energia do universo, o supremo amor de Deus, para que esse amor seja o instrumento de limpeza dessas memórias. Na verdade, se você ler com atenção o manual, o Dr Len diz às vezes que somente o TE AMO poderia ser suficiente para limpar as memórias. Acredito que seja por esse motivo e é assim que eu digo a frase EU TE AMO, como um "esfregão" rsrs.

Pergunta 2 - Eu acredito (note que quando digo 'eu acredito' não quero dizer que seja a verdade absoluta, é apenas a minha verdade no momento, ok?) que o verdadeiro sentido do perdão é: eu entendi porque isso aconteceu e como aconteceu, mas agora quero me libertar disso, quero deixar ir todo o efeito negativo. Então, pra mim, não faria tanta diferença pedir 'perdão' ou não, se eu não quisesse. Eu já assumi a responsabilidade no momento em que eu decidi limpar o que eu mesma criei, não culpei ninguém ou a mim mesma, apenas quero me libertar do efeito, já que eu entendi que eu criei isso porque não sabia ainda o que estava fazendo. Então, às vezes me dá vontade de falar 'sinto muito, me perdoe', outras vezes não dá, prefiro focar no obrigada, eu te amo. Acho que quando decidi usar essa técnica, eu já assumi completamente a responsabilidade, mesmo que implicitamente, entendeu? 

Pergunta 3 - Rs rs acho que já deu pra notar que eu também prefiro 'obrigada', não é?  Você se sente obrigado a alguma coisa quando diz a palavra 'obrigado'? Se o amigo 'entendido em ho'oponopono' se sente assim, fazer o que, né? Ele que limpe isso quando achar necessário, a mim não incomoda nem um pouquinho...


Amig... não se sinta julgando algo e sim é muito louvável da sua parte tentar entender o que chegou as suas mãos. Não dá é pra praticar algo que você fica desperdiçando energia tentando fazer o modus operandi correto. Não acredito que deva ser complicado. As mais belas coisas do mundo são as mais simples e eu considero o ho’oponopono um presente de Deus justamente pela sua simplicidade. Eu mesma já tive oportunidade de presenciar vários de seus 'milagres' na minha vida. 

Apenas um aviso: Não pense você que por praticar o ho’oponopono as coisas vão se resolver de acordo com os seus desejos. Não, muito pelo contrário. Às vezes, o grande barato do ho’oponopono é fazer você entender que determinadas situações devem ser do jeito que são porque existe um bem maior por trás daquilo, e então você liberta o seu espírito da ansiedade, rancor e mágoa que aquilo lhe provoca. Por exemplo: meu filho de 15 anos me fez uma rebeldia muito grande certa vez, porque eu estava tentando protegê-lo de uma situação que eu considerava inapropriada. Ficamos naquela queda de braço durante uma hora inteira, e nesse tempo, ele gritava pra mim: - para de me proteger!! Durante a queda de braço, eu apenas fiquei recitando as frases silenciosamente, esperando que a divindade simplesmente 'descesse' na cabecinha dele e fizesse ele me obedecer, como era o meu desejo. Sabe o que me aconteceu? Eu é que cai na real, como um banho morno, que estava errada, que deveria deixá-lo errar, viver seus erros e aprender com eles, porque ele estava crescendo e eu não poderia querer protegê-lo a vida inteira, por mais que eu quisesse. E isso veio a mim calmamente, sem mágoas e sem sofrimento. Ele ficou bem e eu também."

Bom, espero que o que expus acima possa ajudar mais alguém a praticar esta técnica baseada no puro amor de Deus. Acredito que quanto mais pessoas se empenharem em requalificar suas energias, mais rápido a atmosfera do nosso lindo planetinha azul se purificará, trazendo felicidade, paz e harmonia a todos nós.

Lembrando que quem quiser aprender sobre o Ho'oponopono, basta me enviar um e-mail solicitando o manual básico, gratuito.  E-mail:  chrisassimos@gmail.com       Aloha!

Nenhum comentário :

Postar um comentário

O que você achou? Deixe sua opinião. Ela é muito importante!